Brasil
Publicada em 12 de Outubro de 2013 ás 04:00:01

Vídeo de sexo de jovem de Goiânia com namorado vira caso de polícia

Reprodução
Caso acabou espalhando-se pelas redes sociais
A divulgação de vídeos e fotos eróticas de uma jovem de 19 anos nas redes sociais e pelo aplicativo de bate-papo Whatsapp virou caso de polícia de Goiás. O principal suspeito de espalhar as imagens, nas quais o casal aparece praticando sexo, é o namorado da vítima.
 
A propagação do conteúdo começou há uma semana. Os vídeos e fotos se espalharam pela internet e via celulares e até viraram "meme". Em uma das imagens, a vítima aparece fazendo o sinal de "OK" e várias pessoas começaram a publicar fotos em redes sociais fazendo o mesmo gesto. Além disso, foram criadas páginas de piadas sobre o caso no Facebook.
 
A delegada Ana Elisa Gomes Martins, da Delegacia de Especializada em Defesa da Mulher, afirma que o caso foi registrado na última sexta-feira (4) pela vítima, que prestou esclarecimentos. Segundo ela, a jovem afirmou "sofrer constrangimentos" e que até foi afastada do trabalho em uma loja de roupas devido ao conteúdo circulando na internet e em celulares.
 
A repercussão teria gerado um quadro depressivo na jovem, diz a delegada. A vítima afirmou à autoridade que os vídeos foram gravados com seu consentimento, porém a divulgação do conteúdo pelo namorado não havia sido autorizada. 
 
Ao registrar o Boletim de Ocorrência, a vítima contou que os dois mantinham um relacionamento extraconjugal há três anos e as imagens foram gravadas no início deste ano. Segundo ela, os dois brigaram no início deste mês por causa de uma foto dela no Instagram.
 
A delegada afirma que intimará o suspeito ainda nesta semana para apurar os motivos da divulgação dos vídeos. A jovem também deve ser novamente convocada para prestar mais esclarecimentos. Caso seja comprovada a autoria do fato, o suspeito pode responder por difamação com base na Lei Maria da Penha, já que os dois tiveram um relacionamento amoroso, com pena de três meses a um ano de prisão.

Suspeito nega
 
O suspeito de divulgar vídeos íntimos de uma jovem em um aplicativo de celular prestou depoimento na sexta-feira (11) e de acordo com a titular da Delegacia Especializada de Atendimento à Mulher (Deam) de Goiânia, Ana Elisa Gomes, ele negou qualquer tipo de relacionamento amoroso com a garota exposta nas imagens e usou o direito de ficar calado em diversas perguntas.
 
O rapaz, que é casado, nega o relacionamento extraconjugal relatado pela garota à polícia e alegou que ela estaria criando essa situação para prejudicar a vida dele com a esposa. Ele não entregou e nem passou o número do celular para a polícia. Segundo a delegada, ele preferiu se manter em silêncio.

Redação BK2

 
Outras Notícias de Brasil
16 de Dezembro de 2014 ás 10:51:27
16 de Dezembro de 2014 ás 10:21:18
15 de Dezembro de 2014 ás 02:11:03
05 de Dezembro de 2014 ás 19:42:35
01 de Dezembro de 2014 ás 05:45:55
Big Brother Brasil
Cidades
Música
Empregos e Concursos
Economia
Carnaval
Natal
Copa 2014
Olimpíadas 2016
Mundo Rock
São João da Bahia
Radar
Mundo Gospel
Quentura
Jogos BK2
Cursos 24 horas
 
Jogue Grátis
Cursos 24 horas
Compras On-line